Angra - Aqua

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Angra - Aqua

Mensagem por ZePortouga em 19/9/2010, 04:59

É hora de escrever aqui sobre o novo dos Angra e acho que já o ouvi suficientes vezes para fazer uma crítica com pés e cabeça. O álbum baseia-se na peça "A Tempestade" do Shakespeare que não conheço mas agora sou capaz de querer ir ver por curiosidade (lá está, música é arte, e se não é, faz-nos ir procurar arte Smile

1. Viderunt Te Aque - Intro da prache que tantas bandas têm. Não é boa nem má, felizmente só dura 1 minuto Very Happy

2. Arising Thunder - Primeiro single, todos já a ouviram, típica música #2 dos Angra, vai ser a música do álbum mais tocada nos concertos, e é uma dígna #2 ao lado das conhecidas Carry On, Nothing to Say, Nova Era ou Spread your Fire. Tem um refrão muito bom na minha opinião como deve ser para ser bem cantado nos concertos pelo público.

3. Awake from Darkness - Aqui reduzem um pouco a velocidade mas metem uns tempos mais interessantes na música, quer na bateria quer nas guitarras, e o Edu começa aqui a soar estranho em certos momentos (isto nas primeiras audições) e quanto metem mais prog na música, aparece um piano e violinos para não esquecer que com os Angra não é suposto esperar o power metal normal, mas rapidamente chega o solo à Kiko e a música segue o seu caminho sem nada a acrescentar que já não se tenha ouvido na primeira metade.

4. Lease of Life - Balada com Voz, Piano e Percurssão para grande parte do caminho, logo à 4ª música é de assustar uma balada mas a música vai crescendo e logo logo aparecem as guitarras, o Edu porta-se muito bem dando emoção qb.

5. Rage of the Waters - Voltamos ao peso e à velocidade, com novamente um excelente refrão, progressões de acordes interessantes metidos pelo meio e o Felipe Andreoli a aparecer finalmente no álbum com umas linhas de baixo bem audíveis para além de que são algo que encaixa perfeitamente na música. Interessante nesta música é que o bombo duplo do Confessori está mais rápido nas partes mais lentas da música e embora soe estranho a princípio, depois de umas audições um gajo pensa "isto é que faz deles uma excelente banda, estas cenas maradas que não se espera".

6. Spirit of the Air - Um começo de balada com viola e voz começa a assustar (duas baladas em 5 músicas pois a intro não conta) mas não, embora tenham reduzido o ritmo esta música tem o carimbo Angra, sendo do género da Sprouts of Time, não balada mas assim meio tempo bem alegre com partes de viola metidas ao barulho.

7. Hollow - A música mais pesada e mais progressiva do álbum, onde todos ajudam à festa, desde a voz à bateria passando pelas cordas. Tem uns toques muito à maneira do Edu em algumas passagens. O refrão acaba com os tempos manhosos passando a uma fase mais calma com mais uma vez violas metidas no meio. O Solo em legato encaixa que nem uma luva na música e o Edu a cantar a seguir ao solo faz-me lembrar o James Labrie no A Change of Seasons. Esta é uma grande música.

8. A Monster in her Eyes - Viola Violino e Voz para começar (VVV, uma bela sigla para designar grande parte do álbum) e mais uma vez, na minha opinião o Edu está em grande nas linhas vocais usadas (claro que o ritmo encaixa que nem uma luva), a música segue a meio tempo até ao fim, intercalando partes acústicas com distorção.

9. Weakness of a Man - Começa com "slap guitar" se é que esse termo existe (embora exista para o baixo) bem calma, subindo o "tom" eventualmente embora ande para trás e para a frente entre o peso e a calma. Nesta música as violas variam entre as cordas de nylon e aço. Pouco antes do solo a música embala e engraçado, no solo está uma lição, lição ao Kirk Hammett, e a lição é, Quando o pedal do WAH é usado com conta peso e medida, e por alguém que sabe tocar, aquilo até soa bem!. A metade final desta música é muito boa, e a slide guitar no fim é mais uma novidade Angra para este álbum no geral mas em particular nesta música.

10. Ashes - Piano a abrir, um tom bem tristonho na voz mas bonito (quando nos vídeos de apresentação do álbum ouvi o Edu a cantar isto sem música pensei "é desta que ele deu o berro" mas soa fantástico na música). Peso misturado com passagens de Piano caracterizam esta música que é provavelmente das que mais emoção evoca em quem ouve o álbum e eu acho-a maravilhosa, quiçá a minha favorita.


Resumindo, eu como fã da banda acho o álbum fantástico, principalmente porque sou fã do Holy Land e do Freedom Call que considero os melhores trabalhos e este álbum agradará como um todo principalmente aos fãs dessa fase da banda embora haja música para todos os gostos aqui no meio.

Pontos Positivos: Produção EXCELENTE, com todos os instrumentos limpos e audíveis bem misturados.
A execução está impecável
O Confessori traz algo aos Angra que o Aquiles, com toda a sua capacidade técnica não conseguia, que é ritmos bem variados, mesmo que não tão evoluídos técnicamente, e ele encaixa nos Angra como uma luva, foi um tiro certeiro por parte da banda! Ele volta e sai um Holy Land? Não há coincidências!
Menos solos e leads acelerados e muito mais ritmo por parte das guitarras, soa MUITO melhor e é de louvar terem acalmado o espírito shredder do Kiko e do Rafael (aleluia pelos trabalhos solo).
A variedade de ritmos e instrumentos BEM utilizados.

Pontos Negativos: Acho que o álbum merecia mais 2 músicas, rápidas como a Arising Thunder já que 9 (mais uma vez a intro não conta) parecem pouco embora em minutos totais, o álbum esteja na média.
Como não tem as duas músicas acima mencionadas, o álbum peca quiçá na vertente peso e velocidade para a maioria dos fãs, pois até o power metal tem standards mínimos (embora eu não me importe com isso preferindo boa execução e boas músicas a peso e velocidade sem sentido)
Os solos embora muito bons em alguns momentos, não existe nenhum memorável como um todo. Tanto o Kiko e o Rafael têm passagens fabulosas mas no global exige-se mais aquela que é provavelmente a dupla mais dotada do power metal e quiçá da música em geral, especialmente o Kiko.
avatar
ZePortouga

Mensagens : 247
Data de inscrição : 06/08/2009
Idade : 35
Localização : Islândia

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum